O Palhaço Pennywise realmente existiu

0 comentários

Conhecido também como O Palhaço da Dança, Pennywise está mais para a concretização dos piores pesadelos humanos. A primeira vez que ele apareceu foi em 1990, quando saía de um bueiro em uma adaptação cinematográfica de Stephen King.

No enredo, o palhaço era conhecido por enganar criancinhas, atraindo os pequeninos para o maldito bueiro, prometendo a eles um mundo de algodão doce, balões e alegrias. Uma vez que as vítimas fossem apanhadas, o palhaço do mal dava continuidade ao seu ritual bizarro e arrancava os braços das pobres criancinhas.

Talvez você já tenha chegado a essa conclusão, mas a verdade é que Pennywise é um demônio que se disfarça de palhaço. As pobres vítimas desse capeta cruel, depois de terem seus braços arrancados, finalmente enxergam o demônio que se escondia por trás desse palhaço.

Essa era a parte do livro, no entanto o verdadeiro Serial Killer era John Wayne Gacy (17 de março de 1942 - 10 de maio de 1994), foi um assassino em série americano, conhecido como o "palhaço assassino". Acusado de matar pelo menos 29 garotos, foi condenado a 21 prisões perpétuas e 12 penas de morte.

Em 1978, a polícia de Illinois, Chicago, efetuou uma busca na casa n° 8975 da West Summerdale Avenue, interrogando seu morador, John Wayne Gacy, palhaço amado e muito querido pelas crianças da cidade, o tipo de pessoa, pensava-se, que dificilmente cometeria algum crime. Erro fatal. Antes de ir embora, um dos policiais estranhou um cheiro desagradável na casa; "É só um entupimento nos canos de esgoto", alegou Gacy.

Mas como haviam pessoas desaparecidas na região, uma das quais sabia-se conhecer Gacy, a polícia investigou mesmo assim. Quando gacy percebeu que seria pego, se entregou e revelou o paradeiro dos corpos, enterrados em seu porão.

Gacy desenhou uma planta do porão, e foi apontando onde se encontrava cada corpo, inclusive de alguns que ele já não mais lembrava os nomes e ainda revelou que havia jogado alguns corpos num rio local. Foram encontrados os restos de mais de vinte e nove garotos entre nove e vinte e sete anos, com sinais de tortura, violências sexuais e estrangulamento.



0 comentários: